Finanças do município avançaram 8% no semestre

Alfredo Paes destacou a atual e moderna máquina arrecadadora do município

A receita tributária do município alcançou cifras de R$ 279,2 milhões neste primeiro semestre do ano. Na comparação com o mesmo período do ano passado, a arrecadação provinda da soma de receita própria mais taxas da Prefeitura obteve um aumento de 8%. O incremento deste ano foi acima de R$ 20 milhões comparado com os números dos seis primeiros meses de 2010, quando a arrecadação foi de R$ 258,7 milhões.

De acordo com o secretário Municipal de Finanças, Alfredo Paes, o bom desempenho da arrecadação municipal é reflexo da atual eficiência da máquina arrecadadora. “Isso é um resultado de um trabalho inédito que a Prefeitura esta realizando em Manaus. Hoje contamos com instrumentos modernos para gerenciar o lançamento e a arrecadação dos tributos municipais”, ressaltou o secretário da Semef, Alfredo Paes.

O Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN) foi o um dos tributos que obteve maior notoriedade deste semestre. Só ele representou uma fatia de 67% dentro do total de impostos próprios arrecadados de janeiro a junho, ou seja, R$ 187 milhões.

Em se tratando de receitas globais, a arrecadação do município já se aproxima de R$ 1,2 bilhão – um crescimento de 7% frente aos números verificados no primeiro semestre do ano passado. Do montante, cerca de R$ 897,3 milhões foram frutos dos repasses do Estado e da União. A maior fatia veio do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), R$ 425,9 milhões.

Junho

Enquanto isso a receita tributária mensal de junho somou cifras de R$ 68,4 milhões, o que significou um incremento de R$ 27,2 milhões em comparação ao mesmo mês do ano passado. Já a receita total, que soma os repasses estaduais e federais, chegou a R$ R$ 233,8 milhões, 21% maior que a registrada em 2010.

.

Assessoria de Comunicação – SEMEF
Anderson Farias
(92) 8842-1210 / 3625-6855