Ulisses Tapajós divulga propostas da Semef na FIEAM


O presidente da Federação das Indústrias do Estado do Amazonas (FIEAM), Antonio Silva, disse ontem que o setor produtivo quer reduzir as barreiras que impedem o crescimento industrial e, para isso, investe no diálogo com o setor público, a exemplo da Secretaria Municipal de Finanças, Tecnologia da Informação e Controle Interno (Semef), cujo titular, Ulisses Tapajós Neto, participou da reunião com diretores da entidade para expor os novos canais de atendimento da Secretaria.
“Menos burocracia e mais agilidade nos serviços prestados pela Semef” foi uma das promessas de Tapajós na ocasião.
O secretário frisou que o corte de gastos supérfluos continua sendo adotada para economizar e aumentar as receitas. Destacou que para isso a Prefeitura de Manaus está com gestão sistematizada para economizar em 2015 o montante em torno de R$ 500 milhões e assim pagar todas as dívidas, para poder em 2016 realizar projetos para a cidade.
Segundo Ulisses, a Prefeitura ainda este ano deve modernizar os seus processos de atendimento. “Queremos atender à demanda da sociedade que quer mais transparência e agilidade, menos burocracia, novos canais de atendimento, simplificação e o uso de tecnologia na obtenção dos serviços da prefeitura de Manaus”, explicou para anunciar o novo portal “Semef Atende”, em andamento.
Tapajós destacou que os gestores municipais na Semef já trabalham com as ferramentas Sistema Integrado da Gestão Eletrônica de Documentos (Siged), novo Portal de Informações e Serviços, implantação do Call Center (Disque 156), Sistema de Chat on line, aplicativo Semef para pessoas jurídicas e agendamento eletrônico de serviços.
Na oportunidade, o presidente do Sindicato das Indústrias da Construção Civil do Amazonas (Sinduscon-AM), engenheiro Eduardo Lopes, propôs apresentar trabalho construído pelo sindicato para diminuir a burocracia no licenciamento de obra, que atualmente leva 210 dias para 45 dias de prazo. O objetivo é chegar próximo das cidades de Fortaleza e Curitiba que obtém o documento em 37 dias.
Participaram também da reunião o subsecretário municipal da Receita, Francisco Moreira, subsecretário de Gestão, José Auri Gusmão, o responsável pelo Departamento de Administração e Fiscalização Tributária, Armando Simões, e a diretora da Subsecretaria de Gestão, Inara Costa.
.
Comunicação FIEAM
Comunicação FIEAM